O poder do sorriso para o seu carisma

Hoje é de conhecimento que nascemos com certas habilidades e outras tantas podemos desenvolver para conseguirmos o sucesso naquilo que pretendemos fazer – e desenvolvimento é a palavra chave para que possamos dar novos significados a nossa realidade. Alcançar o sucesso depende de esforço e dedicação para aperfeiçoar nossas habilidades, e entre elas posso destacar o carisma. Você certamente já percebeu como uma certa pessoa é carismática, e a partir disso tem o poder de influenciar outros ao seu redor com ideias e maneiras de agir. Mas o que é ‘carisma’?

Carisma se origina da antiga palavra grega para “dom”. De início, os primeiros cristãos usavam-na para se referir aos “dons de Deus”, que possibilitavam que uma pessoa realizasse feitos extraordinários como curar ou realizar profecias. Num sentido mais tradicional, o carisma é a habilidade de usar todos os aspectos (positivos) de si mesmo para provocar um impacto mais forte e duradouro nas pessoas. Até aí tudo bem. Mas o que o sorriso tem a ver com o carisma?

O sorriso é uma maneira muito prática de se comunicar e, hoje em dia, pode ser associado a autoconfiança, energia e prazer de estar com outras pessoas. Tais associações ampliam o carisma, ou seja, seu poder de influência. Não estou falando daquele sorriso falso, irônico ou ainda, aquele sorriso dos artistas – que tem grande interferência da indústria da beleza-, mas do sorriso que facilita você cativar, naturalmente, as pessoas. Duvida do poder de um sorriso? Eis alguns fatos:

  • É mais fácil sorrir do que ficar emburrado. São necessários 43 músculos para fazer uma expressão brava e apenas 17 para sorrir;
  • Nascemos com o instinto do sorriso. Até bebês, que ainda mal abrem os olhos, sorriem;
  • Mulheres tendem a sorrir mais que os homens;
  • Pela liberação de serotonina no cérebro, sorrir, de fato, faz com que nos sintamos melhor;
  • Estudos sugerem que se sorrimos as pessoas nos veem como mais sinceros, atraentes, sociáveis e competentes. Daí a contribuição para o carisma.

Se um dia você aprendeu a andar de bicicleta, quase com certeza deve se lembrar de que se trata de tentativa e erro – um exercício de descobrimento, como muita coisa em nossa vida. Assim também podemos descobrir que sorrir relaxa, deixa um ambiente mais convidativo e leve, além de nos posicionar melhor dentro de uma estrutura social. Sorrir é contagiante, e isso também é comprovado. Pesquisas da Neurociência identificaram um tipo específico de neurônio, chamado de “espelho”, que determina que o ato de sorrir seja copiado quase sem pensar (assim como o bocejo, o sorriso é contagiante). Desta forma, sorrir bastante pode causar impacto profundo nas pessoas.

O sorriso e o carisma se tornam uma dupla muito forte para o estabelecimento de relações sociais. Não que o sorriso seja essencial para provocar um forte impacto pessoal – mas se for sincero e autêntico, você aumentará as chances para envolver e influenciar pessoas. “Um sorriso sentido vem das nossas emoções, manifestado por causa de sentimentos genuínos.”

Você já sorriu hoje?!

Experimente!!

O sorriso que você dá, volta para você”. (Ditado indiano)

Sugestão de leitura “O poder do carisma – os segredos para se destacar na multidão, de Andrew Leigh”.

Por Ricardo Verçoza – Professor, Administrador e futuro Jornalista.

@CapitaoCoragem

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s