30 Segundos…

Tão breve…

Quase imperceptível…

Fração de tempo que passa com o piscar dos olhos…

Os mesmos olhos que ficam a te observar e te admirar.

30 segundos em que muito se pode fazer

Que mistura imaginação e querer

De te segurar pela cintura,

Afastar teus cabelos,

Enquanto deslizo minha boca,

Em teu pescoço…

30 segundos em uma vida não é nada

Mas diante de um momento curiosidade,

Vontade e intensidade,

Circulam pelo coração…

Teu corpo colado com o meu,

Sussurros inquietantes,

Mordidas molhadas,

Expressões de chamego gostoso

Em pleno céu de chuva…

30 segundos de intenção,

Desarmado diante de tamanha autenticidade

Cativado por frondosa naturalidade

E inesquecível risada.

30 segundos que me perco em seu perfume,

E me acho no desejo,

De curvas suaves,

Carícias tímidas…

É saber e não saber,

Como reagir com as sensações…

 

OBS: Certa vez ouvi que em 30 segundos dá para fazer muita coisa. Para você que gosta de imaginar, isso só foi uma amostra. O céu é apenas o começo.

Por Ricardo Verçoza – Professor, Administrador e Futuro Jornalista

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s