10 dicas para se dar bem com os colegas

Nada pior do que ir trabalhar todos os dias com o pesado fardo de ter uma má relação com um ou mais colegas. Como o escritório é praticamente nossa segunda casa, uma má relação com companheiros da mesma empresa cria um desconforto diário que afeta todo o ambiente profissional.

Juntos, Ryan Kahn, consultor de carreiras e fundador de um programa de TV norte-americano nesta área, e Rita Friedman, palestrante e instrutora profissional, dão conselhos sobre como tirar esse problema de letra e evitar que algo mais sério possa ocorrer. Veja 10 dicas para se relacionar melhor:

Interaja

Tire um tempo para saber um pouco mais da vida de seus colegas, sobre o que ele se interessa fora do escritório. As pessoas geralmente estão na mesma área por ter os mesmos interesses. “Às vezes você pode ficar surpreso do quanto tem em comum com um colega”, diz Kahn.

Ter ao menos um almoço junto semanalmente é uma ótima maneira de fazê-lo, tal como um lanche da tarde, pois refeições são ótimos momentos de interromper um pouco o assunto profissional. “Isso vai ajudá-lo na construção de um networking, além de ser um ótimo break para descansar”, conclui o especialista.

Ouça

Muitas vezes, ser um bom ouvidor pode funcionar e muito na relação entre colegas. “Ter pressa em dizer tudo o que pensa o tempo todo pode fazer os companheiros de escritório sentirem que você não está interessado em suas opiniões”, alerta Rita. Essa não é a hora de competições, mas de buscar a interação e o engajamento profissional, portanto, demonstre respeito e ouça as sugestões e ideias de um colega.

Seja amigável

Esta pode soar muito óbvia, mas de vez em quando, podemos esquecer de sorrir durante o dia. Por mais justificáveis que possam ser os motivos, uma atitude rude pode passar a mensagem errada aos colegas (e pode ser a razão pela qual também não estão sendo amigáveis contigo).

Não fuja dos problemas

Caso tenha um colega com quem sua relação não é muito boa, é importante enfrentar esse problema e continuar trabalhando construtivamente com ele. Kahn conta que “já viu funcionários mudando suas rotas no escritório a fim de não encontrar com outras pessoas”.

Tenha gratidão

Agradeça seus colegas, suas contribuições e ajudas, mesmo quando isso seja apenas uma obrigação deles. “Todos gostam de ser apreciados e, criar uma cultura de gratidão, faz com que os colegas queiram retribuir no futuro”, diz Rita.

Saiba se adaptar ao estilo de diálogo

“Considere a pessoa com a qual está lidando antes de cada interação e o que pode render em cada diálogo”, afirma Kahn. “Às vezes é bom assistir aos outros diálogos que acontecem no ambiente profissional, pois assim dá para ter uma noção de como cada um se comporta e quais são seus maiores interesses”, completa.

Ofereça ajuda

Muitas vezes, por timidez, um profissional pode achar difícil pedir ajuda a um colega, mas uma mãozinha é tudo o que ele precisa para seu trabalho fluir. “Às vezes você não consegue enxergar, mas no fundo ele precisa muito de ajuda”, diz Rita. “Portanto, ofereça sua ajuda sempre, fazendo com que eles saibam que não precisam exitar em pedi-la.” A especialista ainda aconselha que “o profissional seja receptivo na hora de colaborar com outro, sem parecer que está fazendo o maior favor do mundo, pois esse é o tipo de coisa que volta e mais para frente quem poderá necessitar é você.”

Aceite críticas construtivas

Uma coisa que pode diferenciar muito um profissional é sua capacidade de ver que estão tentando ajudar. “Muita gente confunde crítica construtiva como um ataque pessoal”, diz Kahn. “Não é assim que funciona. Ao receber um feedback negativo, um chefe só pretende melhorar o andamento de seu funcionário e de sua empresa. Saiba receber a avaliação e tentar melhorar item por item do que está errado, pois isso vai melhorar sua posição no futuro.”

Nade a favor da maré

Cada empresa possui sua maneira de funcionar, sua política corporativa. Saiba definir como as coisas são em seu escritório e não nade contra a maré. “Isto é, se todos fazem um happy hour ou um jantar juntos semanalmente, não seja uma pessoa que não participa, mesmo que o evento não faça muito seu estilo”, aconselha Rita. “Da mesma maneira, caso seus colegas sejam daqueles que valorizam mais a vida pessoal, não seja a pessoa que vai insistir em reunir todo mundo.” Segundo a especialista, isso também funciona com a maneira de se vestir e de se portar dentro do escritório. “Se há assuntos que não são muito debatidos no ambiente profissional, procure não conversar tanto sobre isso.”

Nada de fofocas

Dizer algo negativo sobre um colega no escritório ou até mesmo on-line é uma das maneiras mais fáceis de se instalar um grande drama no ambiente profissional. “Não tenha medo, por outro lado, de elogiar um companheiro de trabalho para os outros”, aconselha Rita.

Fonte: ForbesBrasil

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s