A paixão pela palavra “tudo”

Palavra muito complexo e muito representa.

Todo mundo e o mundo todo tem uma facilidade enorme para usá-la, mas por vezes esquecem que seu significado transparece inclusão e que a representação na rotina se faz valer na prática e não na teoria.

Você já parou para pensar quantas vezes por dia fala a palavra tudo? Qual sentimento está atribuindo ou que carga de emoção te envolve quando você fala?

Talvez, mas só talvez, esquecemos de ser específicos ao tratar com outras pessoas, de valorizar os detalhes e os aspectos divinos. Pelo contrário,  viciamo-nos na terapia da “generalização”, onde “tudo” é da mesma forma, jeito e trejeito… e por ai vai.

Não se perca neste mundo…Não esqueça que as pessoas são únicas e particulares, feitas de poesia bem moldada em sua estrutura interior.

Transcenda. Observe. Contemple.

Por Ricardo Verçoza

Um pensamento sobre “A paixão pela palavra “tudo”

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s